Review de “Despite Yourself”

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Dirigido por Jonathan Frakes

Review de “Despite Yourself”

Após dois meses, Star Trek Discovery voltou em grande estilo no episódio “Despite Yourself” que trás conexões com vários enredos da franquia, desde a Série Clássica, passando por Deep Space Nine e chegando à Enterprise (em ordem de produção, claro).

Destaque esse episódio foi dirigido por Jonhatam Frakes, o Comandante Riker da Nova Geração, que já havia dito em Chicago que dirigiu um episódio no Universo do Espelho!

Spoiler Alert

Spoiler Alert

Perdida no Espaço

Deixamos a USS Discovery sem saber onde estava no meio de destroços, no episódio passado, “Into The Forest I Go“.  Rapidamente sabemos que a nave está no lugar certo, perto da Base 46 nas proximidades do planeta Organia(!), mas que as assinaturas quânticas dos objetos em volta são diferentes e, a base não está lá.

Uma nave vulcana se aproxima e já abre fogo e destruída pela nave Cooper, que deveria está passando por reformas. Eles chamam os vulcanos de rebeldes. Sim, estamos no Universo do Espelho e temos, agora o Império Terrano (ou terráqueo) em seu auge.

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Stamets em estado catatônico na enfermaria

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – Stamets em estado catatônico na enfermaria

O tenente Stamets está em estado catatônico e em isolamento na enfermaria e, o capitão Lorca, que parece saber exatamente onde está, afasta o Dr. Culber dos cuidados do tenente, alegando que o médico está envolvido emocionalmente com a situação.

Tyler é enviado para resgatar um núcleo de computador da nave klingon destruída e, em meios a seus surtos de memória, ele reconhece cadáveres de vulcanos e de andorianos, pela primeira vez na série.

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Andoriano encontrado nos destroços da nave klingon

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – Andoriano encontrado nos destroços da nave klingon

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Vulcano encontrado nos destroços da nave klingon

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – Vulcano encontrado nos destroços da nave klingon

Com os dados, descobrem sobre o Império Terrano, quem são eles nesse universo e como se comportar. Ainda descobrem que a USS Discovery provavelmente trocou de lugar com a ISS Discovery, isso é, tem uma nave do Império próxima a uma Base da Federação!

Confronto psicológico

Cansado de ter visuais perturbadoras, Tyler confronta L’Rell que mostra que controla o tenente problemático.

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - L'Rell e Tyler na detenção

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – L’Rell e Tyler na detenção

No meio da conversa na detenção, ela começa a recitar a oração de Khaless, que Tyler acompanha, como se fosse um klingon. Mas algo deu errado, pois ao pedir para que ele diga o seu nome, ele foge e a mantém presa.

Temos a cena mais perturbadora, pois Tyler vai a enfermaria pedir ajuda do Dr. Culber e, esse refaz todos os exames e volta com resultados, indicando que as cicatrizes não vieram torturar e sim, de uma mudança completa.

Isso praticamente confirma que Tyler é o klingon Voq disfarçado!

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Tyler procura Culner na enfermaria

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – Tyler procura Culner na enfermaria

Temendo ser descoberto, Tyler mata o Dr. Culber na enfermaria, onde Stamets está catatônico. Por fazer parte do primeiro casal gay em Star Trek, a morte de Culber causou uma grande comoção na Internet. Nós, aqui no Brasil, costumamos ver casais gays realistas acabarem mortos nas novelas. Infelizmente, não foi diferente em Star Trek Discovery.

Mas, no programa After Trek, Aaron Baiers, produtor da série que é militante LGBT+ disse que era fundamental a morte de Culber por ele ser o mais inteligente e ser uma ameaça Tyler e, citando o livro do Dr. Paul Stamets da vida real, que Culber não está 100% morto, mesmo garantindo que não veremos a versão nazista do mal do bom médico.

Vida Longa ao Império

Com os dados da nave destruída, Michael Burnham mostra como é cada um nesse universo alternativo e como seriam as inscrições e indumentárias. Assim, todas a nave e tripulantes são maquiados para parecer como se fossem as suas versões do Império Terrano, menos os alienígenas, pois o Império o xenofóbico, como Saru e a Tenente Airiam e, o capitão Lorca e Burham.

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - Encenação na Discovery para o capitão Conor da Shenzhou

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – Encenação na Discovery para o capitão Conor da Shenzhou

A versão espelho de Lorca tentou dar um golpe no Império e sua nave, a Burhan foi destruída. Ele sendo o único sobrevivente. Michael foi enviada para captura-lo e supostamente foi morta por Lorca que também está morto. Com isso, eles traçam um plano para acessar todas as informações do Império, fazendo a Burham voltar a nave onde ela é capitã, a ISS Shenzhou!

Tendo que mostrar força, Michael leva Lorca “prisioneiro” para sua sua “ex-“nave e encontra Conor no comando. Para quem não se lembra é o oficial que morre na frente de Burham quando ela está na detenção na Batalha das Estrelas Binárias. Ele, confortar Michael em uma luta no turbo-elevador e, é morto na porta da ponte. Burham é recebida com uma salva de palmas pela tripulação e senta, pela primeira vez, na cadeira da Shenzhou como capitão.

Agora, as duas naves partem para descobrir o paradeiro da primeira nave do universo regular que foi parar nesse universo alternativo, a USS Defiant, classe Constitution, como visto no episódio “In The Mirro, Darkly”  (ENT S04E18). Agora só falta citar a Imperatriz Sato.

 

Discovery - Despite Yourself - S01E10 - USS Defiant nos arquivos recuperados da nave klingon

Discovery – Despite Yourself – S01E10 – USS Defiant nos arquivos recuperados da nave klingon

Como vimos, é um episódio ele faz a ligação com o cânone da Série Clássica e de Enterprise. O episódio acaba sendo nem didático, muitos mais que “Mirror, Mirror” (TOS S02E10) e que “Crossover” (DS9 S02E23), que são entradas do Universo do Espelho para essas séries.

Destaque dramático para a primeira interpretação de Tilly como capitão, onde Lorca dá uma de engenheiro escocês (na versão em inglês, claro), pois os escoceses são os melhores engenheiros da Frota e, dela ao assumir novamente a forma da Capitão “Kilky”, com um penteado aprovado por sua mãe.

Star Trek Discovery está disponível na Netflix desde o dia 25 de setembro às 4h, começando com os quatro primeiros episódios “The Vulcam Hello”, “Battle at Binary Star”, “Context is for Kings, “The Butcher’s Knife Cares Not for the Lamb’s Cry“,Choose Your Pain” e  “Lethe“, “Magic to Make the Sanest Man Go Mad”, “Si Vis Pacem, Para Bellum”, “Into the Forest I Go” e “Despite Yourself“. “The Wolf Inside” virá na próxima segunda e assim até encerrar os 15 episódios da temporada. Episódios disponíveis legendados ou dublados em português, ou legendados em klingon!

 

 

Conheça nossas redes sociais:


« (Notícia Anterior)
(Próxima Notícia) »



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.